#TBT Artigo “A importância de existir uma visão“

 

Porque é quinta-feira (why not?) partilhamos um artigo escrito pelo CEO da BOAVISTA, Francisco Branco, para o jornal Público – A Importância de existir uma Visão

https://www.publico.pt/2014/02/03/p3/cronica/a-importancia-de-existir-uma-visao-1819306

Sobre o Francisco: 

O Francisco nasceu em Lisboa em 1985 e vive no Porto desde 1989 onde fez o seu percurso académico. Em 2011, é um dos fundadores da BOAVISTA criada com o grande objectivo de ser a primeira empresa europeia a desenvolver e comercializar sistemas de caixilharia em Materiais Compósitos, fugindo às alternativas tradicionais que se apresentam iguais desde as últimas décadas do século passado.

Paralelamente é, também, investidor ocasional em projetos de elevado cariz inovador através da ROTUNDA INVESTIMENTOS, da qual é um dos Partners.

Outra das suas grandes paixões é o rugby, modalidade à qual está ligado desde 1997 quando começou a jogar no CDUP, o seu clube de sempre, no qual jogou até 2014, tendo feito parte da equipa sénior que ganhou uma das 2 Taças de Portugal da história do clube (2007).

Foi também no CDUP que em 2003, deu os primeiros passos como treinador, tendo coordenado as escolas do clube até 2008, ano em que o clube do Porto foi o maior clube de rugby nacional com mais de 300 Jogadores.

Em 2005, com 20 anos, é desafiado a integrar a equipa técnica da Seleção Nacional Sub 17, sendo um dos treinadores mais novos de sempre a integrar uma equipa técnica nacional.

Entre 2009 e 2018 desempenha as funções de Selecionador Nacional de Sub-16 e Sub-17 e de Co Selecionador Nacional de Sub-18, tendo feito parte de um projecto de reformulação das selecções jovens, centrado na formação holística dos jogadores em que a performance (e não o resultado) estava no centro de todo o processo. As equipas em que esteve envolvido conseguiram, neste período, alguns resultados muito relevantes sendo de destacar o 5º Lugar no Campeonato da Europa de 2015 (depois da única vitória de sempre contra a Escócia).